Pages

Monday, November 1, 2010

A new peace and a juvenile poem

16 cm x 8 cm ( 6,29" x 3,14")

"A light wind in the leaves,
a porcelain sky, very thin,
and the morning smelling of lilies!
"

Excerpt from the poem "Matutinal"

by Carlos Drummond de Andrade (app. 1920).


"Um vento leve nas folhas,

um céu de porcelana, muito fino,
e a manhã cheirando a lírios!"

Trecho do poema "Matinal"

de Carlos Drummond de Andrade (em torno de 1920).


4 comments:

  1. Delicadeza de forma, finura distinta de cor. Belíssima.

    ReplyDelete
  2. *Com uma mesura*...Sempre gentil Jose Ramos :-)

    ReplyDelete
  3. vc achou um poema que descreve o que vemos: Leveza!
    Linda peça!
    bj
    Claudia

    ReplyDelete
  4. Vc matou Cláudia, esse esmalte prá mim, é quase perfume em forma de cor. Bjs!

    ReplyDelete

Obrigada por deixar seu comentário!
Thank you for your comment!